União Libanesa da Diáspora afiliada à União Libanesa Cultural Mundial.   secretaria@uniaolibanesa.net.br

Árvore de Cedro no Palácio de Versalhes, o chamado Petit Trianon, o palácio da Rainha

Por Orlando Lisboa de AlmeidaFacebook do autor

Sou Engenheiro Agrônomo e tenho como hobby a leitura bem variada. Tenho lido vários livros inclusive sobre o mundo árabe e há estive de passagem por Dubai a caminho da Índia. Quero no momento destacar algo até curioso por assim dizer. Nas viagens que tenho consegui fazer como aposentado, alguns dos destaques são exatamente árvores, apesar do meu foco ser o comportamento social das diferentes culturas e tudo o mais. Vamos ao Cedro do Líbano. Faz uns 15 anos que visitei Paris e era dezembro, pleno inverno, coisa de dois graus positivos naqueles dias. Demos um pulo até o Palácio de Versalhes e o que de mais lindo achei lá foi … um pé majestoso de Cedro do Líbano e felizmente estava com uma plaquinha de identificação ao pé. Árvore de uns 20 m e estava bem verde no “marrom” da época de inverno. Fica essa árvore do lado direito de quem olha para o “anexo” do Palácio de Versalhes, o chamado Petit Trianon, o palácio da Rainha. O Pequeno Trianon. E visitando uma vez Recife, me chamou a atenção, do lado direito de quem olha da praça para o Palácio das Princesas, a sede do governo, um enorme pé de Baobá, a árvore icônica de boa parte da África. Há outros casos do tipo.

1 Comentário
  1. Legal Orlando. O Cedro você pode encontrar em Campos do Jordão em São Paulo e são árvores relativamente antigas. Não cheguei perto mas acredito que o cheiro ou o aroma da madeira deve ser o mesmo. Na verdade a maior floresta de Cedro fica hoje na China.

    Responder

Deixe seus comentários

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar essas HTML tags e atributos: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>