União Libanesa da Diáspora afiliada à União Libanesa Cultural Mundial.   secretaria@uniaolibanesa.net.br

Baby Cedar plantado pela Renata Abalém na reserva de Ehden no Líbano

Vê aí, Pai: esse é meu “baby cedar”..o cedro que eu plantei no Líbano em 2019, na reserva de #Ehden #ehdenreserve. Eles fizeram uma plaquinha com meu nome e o meu nome, em árabe, carrega o seu e o do seu pai. . Lá me chamo Renata Melik Hanna Boutros Kabalan Frangieh. Eu fui lá, pai.. plantei uma árvore com seu nome…o tempo vai destruir a placa (se o inverno já não o tiver feito), mas o cedro vai permanecer bem depois de mim e dos meus netos e dos netos dos meus netos. Uma raiz forte assim vence as eras. Obrigada pai..por essa longa história.

#diadospais

PS: Meu avô Hanna, aqui chamado de João, chegou no Brasil com passaporte turco em 1903. A tradução do seu nome familiar foi feita de acordo com a sonoridade, então o que era KABALAN ficou ABALÉM. Meu pai foi registrado no Líbano como Melik ou Malik e aqui como Pedro João. Por isso meus filhos se chamam, um Pedro e o outro, João. A história familiar do meu pai é muito linda e cheia de amor. Também cheia de guerras, traições, mortes e tragédias, como toda boa história.

https://www.instagram.com/p/CSUI-SKrUZX/?utm_medium=share_sheet

 

Deixe seus comentários

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar essas HTML tags e atributos: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>