União Libanesa da Diáspora afiliada à União Libanesa Cultural Mundial.   secretaria@uniaolibanesa.net.br

Melaço de Alfarroba ou Debs Al-Kharnoub – um tradicional nutriente no Líbano

Por Dr. Assad Frangieh

As informações contidas neste texto não tiveram comprovações científicas, mas quem vai questionar um fallah* libanês de 60 ou mais anos (*trabalhador rural)? O melaço de alfarroba é conhecido como um líquido escuro que dá um sabor acentuado aos alimentos, além de trazer muitos benefícios para a saúde do organismo devido aos seus importantes nutrientes. É uma boa fonte de fornecer ao corpo uma energia rápida. Qual dos tradicionais estudantes dos anos 60 e 70 não tinha um lanche de pão árabe com melaço de alfarroba em sua refeição das 16hs – hora de saída das escolas?

O melaço de alfarroba contém uma substância açucarada semelhante à encontrada no mel natural e nas frutas. Melhora os níveis de açúcar no sangue substituindo a glicose por frutose e contém potássio, que é um bom auxiliar na manutenção dos níveis de açúcar no sangue dentro dos limites normais. Contém muitas vitaminas, nutrientes benéficos e antioxidantes, tornando-se um bom auxiliar para estimular a circulação sanguínea e fortalecer o corpo. Ativa a função renal estimulando a diurese contínua e livrando o corpo do excesso de água, pois contém compostos diuréticos. O melaço de alfarroba contém vitamina E, um antioxidante, que ajuda a tratar problemas de tosse e gripe. Também ajuda no fortalecimento das cordas vocais, melhora a saúde do sistema digestivo, pois trata os problemas de vômito e diarreia grave, especialmente para os jovens. Também ajuda no processo digestivo, pois é um laxante natural, ajuda o trabalho do pâncreas e ajuda a tratar a acidez do estômago.

O melaço de alfarroba é uma boa opção para pessoas que sofrem de níveis elevados de pressão arterial porque não contém cafeína, que é conhecida por aumentar a pressão arterial. Também contribui para a redução do colesterol nocivo no organismo e apoia o trabalho dos vasos sanguíneos, o que fez com que o melaço de alfarroba ajudasse na prevenção de doenças cardíacas. Protege os ossos da fragilidade. O melaço de alfarroba contém ferro, selênio, cobre e cálcio, que desempenham um papel importante na proteção dos ossos da osteoporose.

Uso do melaço de alfarroba

Devido aos muitos benefícios do melaço de alfarroba, ele tem sido usado em muitos produtos: Fabricação de doces, bolos e produtos alimentícios. O pó de alfarroba é usado na fabricação de inseticidas. É usado também na indústria de cosméticos. Os efeitos colaterais? Para obter os benefícios do melaço de alfarroba, ele deve ser consumido em quantidades seguras, de acordo com a Food and Drug Administration dos EUA, que aprovou seu uso em alimentos, medicamentos e cosméticos. Mas as pessoas com alergia a nozes e leguminosas podem desenvolver sintomas alérgicos quando ingerem melaço de alfarroba, como: erupções cutâneas, asma e febre, por isso é preciso toma cuidado para não passar dos limites.

Como é feito o melaço de alfarroba? (apenas para os curiosos)

Existem muitas maneiras de fazer o melaço de alfarroba, e uma delas é a seguinte: A alfarroba é cortada em pedaços pequenos e colocada em uma tigela grande. A água quente é adicionada para que a água exceda a alfarroba em até 20 cm. Misture os ingredientes até ficar homogêneo e deixe por um dia inteiro. A água ou suco é extraído após o processo de separação dos pedaços de alfarroba do suco formado, que pode ser feito por meio de uma prensa de pressão. Coe o suco usando um pano, repetindo esta etapa várias vezes para obter uma mistura clara. Coloque o suco de alfarroba resultante em uma panela grande em fogo baixo e deixe por várias horas até que evapore. Retire a panela do fogo quando obter uma consistência firme e deixe os sucos de lado até que a cor fique preta pegajosa. O suco é acondicionado em potes de vidro, preferencialmente no segundo dia após a fabricação.

Uaua…

Deixe seus comentários

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar essas HTML tags e atributos: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>