União Libanesa da Diáspora afiliada à União Libanesa Cultural Mundial.   secretaria@uniaolibanesa.net.br

O Abismo da Diáspora Brasileira e o Líbano

Há um consenso que existem aproximadamente 10 milhões de descendentes libaneses no Brasil. Foram migrações que chegaram em varias épocas em pequenos grupos e famílias inteiras. O mais notável fluxo de imigrantes foi no século 19 durante o domínio da Turquia, e mais recentemente após o início da marcante guerra civil em 1975. A busca da paz e da prosperidade em outro continente, longe do Líbano, não impediu os libaneses de preservar a sua cultura e culinária e de passar seus valores ás novas gerações.

Este significante número de imigrantes e seus descendentes estão espalhados pelo continente brasileiro. Até uma década atrás, não havia mecanismos acessíveis de alcançá-los. Mas a internet revolucionou os meios de comunicações e possibilita uma interação construtiva entre todos. Entretanto, não tem ainda nenhuma iniciativa que possibilite a interação da Diáspora libanesa com o Líbano. Sem um plano estratégico que contemple a integração, se torna extremamente difícil mobilizar uma ação solidária na atual crise sociopolítica libanesa, talvez a pior da sua história.

Historicamente, as missões empresariais e sociais do Líbano para o Brasil sempre foram promovidas pelo setor financeiro. Cabe destacar que a busca de investidores sempre alcançou suas metas e muito dinheiro foi depositado no Líbano. A decisão politica de confiscar o dinheiro depositado nos bancos libaneses surpreendeu o mundo. O governo libanês e suas instituições financeiras perderam a credibilidade. Este abuso de poder e desrespeito as leis internacionais causou danos irreversíveis á economia da maioria dos libaneses dentro e fora do Líbano. As poupanças de milhares de famílias, conquistas de décadas de trabalho, foram extraviadas sem justa causa devido a mal gestão e corrupção politica.

Chegou a hora para os libaneses reestruturarem suas relações com a Diáspora brasileira. A campanha para registrar os imigrantes e contabilizar seus votos nas próximas eleições é uma excelente iniciativa, mas não obteve o resultado desejado. O Brasil é uma pais continental em rápido crescimento, as suas instituições são digitalizadas. Pedir aos imigrantes percorrer longas distancias para votar em urnas físicas é impraticável. Não falta inteligência aos libaneses para resgatarem suas relações com a Diáspora. Para isso, é preciso vontade e visão política para eliminar o abismo que separa o Líbano da sua Diáspora. É preciso ações concretas conscientes para aproveitar da generosidade, poder e riqueza dos libaneses que anseiam pela reconstrução do país, e, sempre mantiveram os braços estendidos e os corações abertos para abraçar a pátria mãe.

Dr. Assad Frangieh

Deixe seus comentários

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar essas HTML tags e atributos: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>