União Libanesa da Diáspora afiliada à União Libanesa Cultural Mundial.   secretaria@uniaolibanesa.net.br

Resumo da segunda semana de outubro 21

No Líbano estão todos aguardando a aprovação da lei eleitoral que será votada dia 19/10 em sessão do parlamento. O direito dos emigrantes votarem parece assegurado. Falta saber se será nos 128 parlamentares como foi em 2018 ou nos 6 deputados como a lei atual sugere. Em paralelo, há muitos preparativos e confecção de alianças visando as eleições das quais o novo parlamento elegerá o sucessor do Presidente Aoun em eleições indiretas no mês de outubro de 2022.

Enquanto a lei da Cota Feminina no Líbano foi barrada, a Tunísia indica a primeira mulher árabe para o posto de Premiê e outras 11 mulheres entre os 24 ministros que formam o Gabinete.

Segundo ministros, o Líbano levará em torno de dois meses para levantar dados e elaborar propostas de trabalho no intuito de sentar nas mesas de negociações com o FMI. Enquanto isso a suspensão quase completa dos subsídios do Governo se refletem na elevação dos preços da gasolina, diesel, gás de cozinha, nos remédios e nos alimentos.

Abraços.

Deixe seus comentários

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar essas HTML tags e atributos: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>